O II Seminário Internacional Reforma Trabalhista – Crise, desmonte e resistência – Experiências internacionais: Brasil, Argentina, Espanha, Itália, México, Peru e Portugal, promovido pelo Instituto Lavoro, acontecerá nos dias 23 e 24 de novembro, em São Paulo.

O Congresso Brasileiro aprovou, em 14/07/2017, a nova legislação da Reforma Trabalhista, que entrará em vigor em novembro, com muitas mudanças e prejuízos para os trabalhadores.

O Seminário vai tratar da desregulamentação das relações de trabalho e seu impacto sobre o movimento sindical.

Objetivo é promover a troca de experiências relativas à desestruturação do mundo do trabalho e, assim, oferecer um debate qualificado sobre a flexibilização do trabalho, seus impactos econômicos e sociais e as eventuais formas de resistência.

A programação do seminário compreende a realização de três painéis:

• Realidades espanhola, mexicana e peruana;
• Realidades brasileira, italiana e portuguesa;
• Impactos da flexibilização trabalhista no Sindicalismo.

Já está confirmada a presença dos Professores Márcio Túlio Viana (PUC-Minas), Gianni Arrigo (Universidade de Bari, Itália), Francisco Trillo (Universidad de Castilla-La Mancha, Espanha), João Amado (Universidade de Coimbra, Portugal) e Marta Novick (Universidade de Buenos Aires).

Instituto Lavoro – é uma associação que desenvolve e difunde estudos científicos relacionados a temas das relações de trabalho. Também organiza e realiza encontros, diálogos, debates, cursos, treinamentos técnicos, seminários, congressos.

Mais detalhes sobre o Seminário e inscrições no site: http://www.lbs.adv.br/seminario-reforma-trabalhista/.